top of page

Por causa de alunos de bermuda, vigilante entra armado em sala de aula em Pernambuco

Uso do traje não é orientado pela gestão da instituição; funcionário foi afastado das funções

Na noite de terça-feira (28), um vigilante entrou armado em uma sala de aula em Moreno, no Grande Recife, para informar a dois alunos que eles não poderiam usar bermuda dentro da escola.

O uso da peça na instituição não é orientado pela gestão. O vigilante resolveu intervir e foi agredido. A direção da unidade de ensino acionou a Patrulha Escolar, que fez as primeiras mediações no local. O caso foi levado para a delegacia.

O episódio está sendo tratado pela secretaria de Educação e Esportes de Pernambuco como “conduta inadequada”.

Em nota enviada à CNN, a secretaria informou que “a Gerência Regional de Educação (GRE) Metropolitana Sul, responsável pela Escola Cardeal Dom Jaime Câmara, em Moreno, já afastou o vigilante envolvido na briga devido à conduta inadequada dentro da unidade de ensino.”

Além do afastamento do servidor, após o ocorrido, a secretaria emitiu nota de repúdio: “A pasta reforça que repudia todo e qualquer tipo de agressão, seja ela física ou verbal, e reitera que possui em sua proposta político-pedagógica a promoção de ações voltadas para a cultura de paz. A SEE segue acompanhando o caso e está à disposição da Polícia Civil para futuras investigações.”

A Secretaria de Defesa Social ainda não divulgou detalhes sobre a investigação.


Link de referência da matéria: https://www.cnnbrasil.com.br

0 visualização
bottom of page