top of page

Abstinência de álcool liderada pela Geração Z é destaque no SXSW 2024

Debate no evento apontou motivos e vantagens da diminuição do consumo de álcool

A mesa “Por que não beber é a trend mais em alta entre as de bebidas” foi um dos destaques deste domingo (10) no SXSW. Liderada por Marcos Salazar, CEO da ANBA – Adult Non-Alcoholic Beverage – a discussão abordou a crescente tendência, especialmente entre a Geração Z, de evitar bebidas alcóolicas, inclusive em festas e celebrações.


Elizabeth Gascoigne, de 25 anos, é fundadora da Absence of Proof (Falta de Provas), uma empresa que organiza eventos onde álcool não entra. “Quando decidi parar de beber definitivamente, há cerca de dois anos, ficava constrangida em festas e jantares, porque alguém sempre pergunta ‘o que você está bebendo?’, e insistem em drinques quando você conta que simplesmente não bebe por opção”.


Esse foi um dos motivos que fez Andrew Solis criar sua própria marca de drinks não alcóolicos, a Cut Above Zero Proof Spirits. “Minha epifania veio definitivamente quando acordei um dia de ressaca, com duas crianças para tomar conta. Pensei: ‘deve haver uma maneira de continuar me divertindo com mais controle sobre as doses e o efeito delas no meu corpo”, contou.


Solis explicou que, ao contrário do que muitos acreditam, opções de drinques sem álcool não são apenas para dependentes ou só para quem cortou por completo a bebida. “Pelo contrário, se você tem opções de bebidas sem álcool, pode intercalar com seus drinques ‘normais’ ao longo da noite sem ter que se render a água e sentir que a noite acabou”.


No entanto, assim como no caso dos orgânicos, drinques saborosos sem álcool ainda não são tão acessíveis, e um dos motivos é o custo. “Como o álcool é eficiente em reter sabor, muito mais que a água, chegamos a gastar três vezes mais ingredientes para a bebida ficar tão atraente quanto as que levam álcool”, contou Pauline Idogho, CEO do Mocktail Club.


Elizabeth afirmou que também é difícil conscientizar donos de bares e restaurantes a terem essas opções em seus menus. “Eles vivem da venda de bebidas, e acham que vão vender menos se oferecerem versões sem álcool. Na verdade, estarão incluindo mais gente entre seus clientes, e não perdendo. Não é prejuízo, é soma”, defendeu.


Com resistência ou não, Salazar afirmou que esse é um futuro que já chegou, liderado pela Geração Z. “Eles são mais ligados em saúde, em bem-estar, e não veem tanta graça em ficar embriagados. Querem curtir o momento de cara limpa”.


O South by Southwest, mais conhecido como SXSW, acontece anualmente em março, em Austin, nos Estados Unidos e é considerado um dos maiores eventos de tecnologia, música, inovações e cultura do mundo, trazendo ainda, atrações de diferentes países.



Link de referência da matéria: https://www.cnnbrasil.com.br

2 visualizações0 comentário

Comments


bottom of page