top of page

7 profissões para quem tem TDAH

Ultimamente muito se tem falado sobre o Transtorno de Déficit de Atenção com Hiperatividade, ou, como é mais conhecido, TDAH. Segundo a Associação Brasileira de Déficit de Atenção (ABDA), o transtorno pode ser definido como um distúrbio neurobiológico crônico, e dentre as suas características estão desatenção, desassossego e impulsividade.

O TDAH é um transtorno de causas genéticas, ambientais e biológicas, que, geralmente, se manifesta na infância. Inclusive, ele é responsável por afetar de 3% a 5% das crianças em idade escolar, de acordo com a ABDA. Em mais da metade dos casos, o transtorno acompanha o indivíduo na vida adulta, embora os sintomas fiquem menos intensos.

É importante destacar que, diferente do que está sendo falado em algumas redes sociais, apesar de poder apresentar diversos sintomas, o TDAH é um transtorno que deve ser diagnosticado somente por profissionais qualificados, como psicólogos e psiquiatras.


Quem tem TDAH pode trabalhar?

Devido aos sintomas do distúrbio, algumas pessoas têm dúvida se quem tem TDAH consegue fazer faculdade e até mesmo trabalhar. De fato, o transtorno pode gerar algumas dificuldades nos estudos e trabalho, como a falta de concentração, dificuldade em seguir instruções ou se relacionar com os colegas.

Mas é importante destacar que uma pessoa com TDAH pode fazer qualquer curso que deseje, se formar como um profissional de qualquer área, e também trabalhar, afinal, não é por ter TDAH que a pessoa não apresente habilidades e competências. O impacto que o transtorno tem na vida de uma pessoa é algo muito individual e vai depender também de fatores externos, como o meio social que ela está inserida e o tratamento realizado.

Entretanto, como normalmente uma pessoa que possui o transtorno apresenta sinais característicos de desatenção, menor foco nas atividades, agitação e comportamento impulsivo, existem profissões que podem ser mais indicadas do que outras. Veja abaixo algumas delas!


Técnico de emergências médicas

Os técnicos de emergência são aqueles profissionais de saúde dedicados ao socorro pré-hospitalar, que atuam no atendimento emergencial nas ambulâncias. São eles que fazem o primeiro atendimento de pessoas que sofreram acidentes, oferecendo todo o suporte necessário e realizando técnicas para que elas consigam chegar até um hospital, onde receberão o atendimento médico.

A profissão costuma ser bem agitada e sem rotina, o que pode ser bom para quem tem hiperatividade e não consegue ficar muito tempo sentado, fazendo a mesma coisa. Para exercer a profissão de técnico de emergência médica é necessário fazer faculdade de Enfermagem ou mesmo Medicina.


Educador físico

O profissional formado em Educação Física é responsável por promover a saúde e a capacidade física por meio do ensino e prática de atividades corporais. Ao final da graduação, o aluno está capacitado para supervisionar programas de exercícios físicos, ginástica, jogos, artes marciais e dança.

Por trabalhar se movimentando e ensinando a praticar exercícios físicos, dificilmente este profissional tem uma rotina monótona ou parada no mesmo lugar, sendo uma boa opção de carreira para quem possui dificuldade de realizar atividades que exigem ficar sentado e sem se mexer muito. Diversos estudos demostram, inclusive, que a prática de exercício físico ajuda a diminuir a ansiedade, um dos sintomas que quem tem TDAH pode desenvolver mais facilmente.


Designer de interiores

Nesta profissão, os profissionais devem ser capazes de planejar ambientes de acordo com padrões estéticos e de funcionalidade, procurando otimizar o espaço para a finalidade desejada. Ao final do curso de Design de Interior, o profissional trabalhará projetando espaços, mobiliários e objetos, analisando tanto a estética quanto a sua utilidade no ambiente.

Segundo pesquisa da Universidade de Michigan, indivíduos com TDAH se destacam mais em trabalhos que exigem criatividade e ser designer de interiores é uma profissão que exige bastante criatividade para criar diferentes possibilidades e liberdade de "pensar fora da caixa", sendo uma das profissões indicadas.


Engenheiro Civil

Os profissionais formados em engenharia civil são aqueles capazes de elaborar, executar e fiscalizar projetos de obras variadas, seja de casas e prédios, como também de pontes, barragens e estradas. Após formado, o engenheiro civil pode trabalhar em diversos segmentos: hidráulica, transporte, saneamento, estruturas e mecânica dos solos, gestão de projetos, tecnologia e materiais para construção civil.

Por ser uma área que atua diretamente com a construção em diferentes locais, a rotina destes profissionais tende a ser agitada e instigante, com diversos desafios no dia a dia. Essa característica pode atrair aquelas pessoas que são mais hiperativas e que não gostam de trabalhos calmos e monótonos.


Analista de Marketing

O analista de marketing é um profissional que pode ser formado em Marketing ou Publicidade e Propaganda. Ele irá executar atividades relacionadas à implementação dos planos de marketing de uma empresa, bem como outras atividades administrativas relacionadas a impulsionar vendas. O profissional normalmente atua no setor de marketing ou administrativo de organizações. Por ter um dia a dia de trabalho bem dinâmico e focado no lado criativo, essa é uma das profissões que podem se encaixar para quem tem TDAH e possui interesse na área, principalmente se a pessoa está por dentro das plataformas digitais que o marketing engloba atualmente.

Ilustrador

O ilustrador é o profissional que cria desenhos, animações, elementos gráficos, montagens, entre outras criações, para empresas e clientes em geral. Seu trabalho é fundamental para o desenvolvimento da identidade visual de produtos e marcas. Os profissionais dessa profissão podem atuar em diferentes segmentos, como empresas de marketing, veículos de comunicação, editoras, produtoras, etc. Como é de se imaginar, um ilustrador trabalha diariamente utilizando a criatividade para desenhar, animar e criar elementos gráficos únicos e inovadores, o que pode ser um fator positivo para quem tem TDAH. Além disso, muitas vezes estes profissionais começam suas criações desenhando à mão, o que pode ajudar na diminuição de estresse e ansiedade. É importante ressaltar que não é obrigatório fazer curso superior para ser ilustrador, mas o mercado de trabalho valoriza bastante aqueles profissionais que se qualificam. Cursos como Artes Visuais, Artes Plásticas e Design são alguns dos que mais se encaixam nesse sentido.

Artista Cênico

O profissionais formados em Artes Cênicas são capacitados a trabalhar na produção de filmes, programas de televisão e peças teatrais, podendo exercer a função de direção, montagem e atuação. Após formados, os artistas cênicos encontram diferentes campos de trabalho, seja ministrando cursos de atuação, escrevendo críticas, ou, no trabalho mais conhecido: atuação e dublagem em filmes, documentários, séries e espetáculos.

Como o próprio nome diz, esta é uma profissão que trabalha totalmente o lado artístico e criativo de uma pessoa. Além disso, as técnicas e atividades de interpretação e expressão corporal aprendidas durante o curso podem inclusive ajudar alguém que tem TDAH a conseguir obter mais foco e atenção.

1.096 visualizações
bottom of page