top of page

Veja quais são os 10 bacharelados mais cursados segundo o MEC

Entrar para um curso superior é a melhor forma de começar em uma profissão, já que é na faculdade que o estudante tem acesso a todas as teorias e adquire os conhecimentos específicos da área escolhida, para depois colocar em prática no mercado de trabalho sendo um bom profissional.

Além disso, para aqueles que já trabalham na área e querem subir de cargo ou se destacar, fazer uma faculdade pode ser ótima opção. Infelizmente, no Brasil, a taxa de pessoas que possuem curso superior ainda é pequena, se comparada com o total da população do país: segundo a última pesquisa da Associação Brasileira de Estágios (Abres), em 2021, cerca de 686 mil pessoas possuíam ensino superior.


Aumento nos ingressantes de curso superior

Mas, felizmente, esse número está aumentando, ainda que de forme gradual. De acordo com dados da última edição do Censo da Educação Superior, em 2020, mais de 3,7 milhões de estudantes ingressaram em uma graduação. Há 10 anos atrás. em 2010, o número de ingressantes estava em torno de 2,1 milhões.

Para aqueles que estudam para entrar em um curso superior, é importante ressaltar que as informações do Censo ajudam a entender qual a real situação do ensino superior no país. A pesquisa é responsável por divulgar, anualmente, estatísticas sobre os cursos superiores oferecidos pelas universidades e faculdades.

Entender todas essas informações pode ser muito útil para saber quais os cursos mais procurados e cursados do país e assim se dedicar mais aos estudos para ter mais chances de passar nos vestibulares.

Assim, entenda mais sobre a pesquisa abaixo e aproveite para conferir quais são os 10 cursos de graduação na modalidade bacharelado mais cursados no país, de acordo com o Censo da Educação Superior 2020, divulgado em fevereiro


O que é o Censo da Educação Superior? Realizado anualmente pelo Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep), o Censo da Educação Superior é o instrumento de pesquisa mais completo do governo para levantar dados sobre as instituições de ensino superior do país, além de informações sobre os docentes e alunos matriculados nas universidades. Para fazer essa pesquisa, o Censo utiliza as informações de cadastro do sistema e-MEC (portal eletrônico do Ministério da Educação), que possui os registros de todas as instituições. A partir desses registros é que são coletados os demais dados, como as vagas oferecidas, o número de candidatos, matrículas, ingressantes, concluintes e docentes e também sobre a infraestrutura da instituição.

Além disso, os dados coletadas pelo Censo atuam como suporte na avaliação dos indicadores de qualidade dos cursos de graduação do Ministério da Educação, como o Conceito Preliminar de Curso (CPC) e o Índice Geral de Cursos avaliados da Instituição (IGC).

10 bacharelados mais cursados no Brasil

Veja, abaixo, quais são os 10 cursos de bacharelado com maior quantidade de ingressantes no país, de acordo com a pesquisa do Censo da Educação Superior e conheça qual o campo de atuação de cada um deles:


1) Pedagogia

No começo do ranking vem o curso de Pedagogia, com mais de 300 mil ingressantes no ano. Esse curso forma profissionais para atuar na educação infantil, nos anos iniciais do ensino fundamental e na educação de jovens e adultos (EJA). Os pedagogos, como são chamados, também podem atuar nas funções de suporte pedagógico, como direção, supervisão e orientação educacional.


2) Administração

Com mais de 280 mil ingressantes, o curso de Administração ocupa o 2º lugar no ranking. O curso possui uma ampla área de atuação e conhecimento, uma vez que os profissionais formados em Administração podem gerenciar os recursos humanos, materiais e financeiros de uma organização, que pode ser privada, pública ou do terceiro setor ou também entrar para o ramo do empreendedorismo, sendo o dono ou executivo de empresas.


3) Direito

O curso de Direito vem em terceiro lugar, contabilizando mais de 220 mil ingressantes no ano de 2020. Com uma duração média de cinco anos, o curso de Direito forma profissionais que poderão ser advogados ou seguir carreira jurídica e prestar concursos para os cargos de juiz, promotor ou delegado. Os profissionais formados em Direito possuem um vasto campo de atuação, podendo trabalhar tanto em escritórios de advocacia quanto em empresas das mais diversas áreas, zelando pela aplicação das leis e normas jurídicas vigentes em uma região.


4) Contabilidade

O curso de Ciências Contábeis ou, como é conhecido popularmente, Contabilidade, é responsável pelo ingresso de mais de 150 mil pessoas, ficando em 4º lugar no ranking. Os contadores, como são chamados os profissionais formados em Contabilidade, podem atuar no planejamento e gerência contábil das mais diversas instituições e pessoas físicas, registrando e controlando suas receitas, despesas, lucros e se utilizando de estratégias e análises para manter o bom funcionamento daquela organização.


5) Enfermagem

Estando em 5ª posição no ranking e sendo responsável pelo ingresso de mais de 138 mil alunos, está o curso de Enfermagem. A área forma profissionais que trabalham no cuidado, prevenção, proteção e reestabelecimento da saúde de todas as pessoas. O curso é formado em sua grande maioria por disciplinas das ciências biológicas e da saúde e os profissionais formados podem atuar na saúde pública ou privada, em hospitais, clínicas e atendimentos domiciliares.


6) Gestão de Pessoas

O 6º lugar no ranking é ocupado pelo curso de Gestão de Pessoas, com mais de 132 mil ingressantes. Responsável pelo gerenciamento e planejamento de todos os processos que envolvem pessoas dentro de uma empresa, a área desse curso é muito ampla. Assim, os profissionais têm a possibilidade de atuar em diversos campos: dentro de empresas, órgãos públicos, centros de pesquisa, instituições de ensino, além de consultoria para organizações.


7) Sistemas de Informação

O curso de Sistemas de Informação foi o responsável por mais de 124 mil ingressantes na educação superior, ocupando o 7º lugar. Essa área realiza o projeto, desenvolvimento e manutenção de sistemas, programas e aplicações que utilizam dados, além de administrar redes de computadores. O curso tem uma duração média de cinco anos e, após formados, os profissionais de Sistemas de Informação podem trabalhar em empresas de tecnologia e informática ou qualquer outra que faça o uso de banco de dados e redes.


8) Educação Física

Ocupando o 8º lugar no ranking, está o curso de Educação Física, com mais de 119 mil ingressantes. Como o próprio nome já diz, o curso trabalha com a saúde física de atletas profissionais e amadores, além de promover a saúde para todas as pessoas por meio do ensino e prática de atividades corporais. Os educadores físicos também apresentam um amplo campo de trabalho, podendo atuar em escolas e instituições de ensino, academias, hospitais, postos de saúde, ONGs, empresas, clínicas e até mesmo hotéis ou acampamentos.


9) Psicologia

Com mais de 100 mil ingressantes, o curso de Psicologia está em 9º lugar. É no curso de Psicologia que os estudantes aprendem a realizar o diagnóstico, prevenção e tratamento de doenças mentais, distúrbios emocionais e de personalidade. Além de clínicas psicológicas, os profissionais da área podem atuar em consultórios, instituições de saúde, assistência pessoal e empresas de diferentes ramos, principalmente para trabalhar no setor de RH (recursos humanos).


10) Logística

Em 10º e última posição do ranking está o curso de Logística, com cerca de 73 mil ingressantes. O curso possui uma duração média de quatro anos e capacita seus alunos para projetar, implementar e avaliar sistemas de transporte de uma empresa ou instituição, buscando sempre melhorar a sua eficiência e qualidade. Após a formação, os profissionais da área podem atuar em empresas de transportes aéreo, aquaviário e/ou terrestre, ou nos setores de logística de organizações públicas ou privadas.

7 visualizações0 comentário

Comments


bottom of page