top of page

Saiba tudo sobre fazer o curso de Comércio Exterior

Interessados pelo curso de Comércio Exterior já devem ter em mente como é esse curso e quais são as áreas de atuação para alguém que se forma nessa graduação.



Esse profissional é um dos responsáveis dos setores de negócios com países estrangeiros, seja no processo de importação (em que o produto entra no Brasil) e exportação (em que o produto é enviado do Brasil para outro país comprador) de serviços ou produtos da empresa. A formação dessa carreira deve oferecer todas as bases necessárias para que o profissional esteja por dentro de todos os processos burocráticos, que envolvem legislação, transporte e trâmites de logística entre fronteiras internacionais.


  • Conheça tudo o que você deve fazer para começar um curso de Comércio Exterior O curso de Comércio Exterior Estudantes que pesquisam sobre o curso de Comércio Exterior vão se deparar com duas possibilidades de graduação: o curso tecnológico e o bacharelado em Comércio Exterior. Os dois são graduações, ou seja, o aluno que completa o curso recebe o diploma de ensino superior. Mas cada um possui características próprias que diferenciam um do outro. O curso tecnológico tem uma duração mais curta, que leva dois anos, em média, para que o aluno conclua a graduação. Como característica desse tipo de formação, o foco das disciplinas será principalmente na atuação prática da carreira, com o conteúdo voltado para os conceitos que serão necessários durante o dia a dia das atividades profissionais. De acordo com o Catálogo Nacional dos Cursos Superiores de Tecnologia do Ministério da Educação (MEC), o curso faz parte do eixo de Gestão e Negócios, que engloba áreas de administração de empresas, logística e gestão. Enquanto isso, o bacharelado tem uma duração de quatro anos. Com a maior carga horária, o curso vai oferecer um número maior de disciplinas básicas e conteúdos teóricos mais aprofundados da área. Grade Curricular básica do curso de Comércio Exterior As disciplinas da grade do curso de Comércio Exterior vai variar de acordo com cada instituição e com o tipo de curso que é oferecido, se é bacharelado ou tecnológico. Conheça algumas das disciplinas que costumam aparecer nessa graduação: Administração da Produção e Operações

  • Comércio Exterior e Logística Internacional

  • Custos Logísticos

  • Direito Aplicado aos Negócios

  • Direito e Contratos Internacionais

  • Direito Internacional Público e Privado

  • Economia Internacional

  • Finanças Internacionais e Prática Cambial

  • Gestão Aduaneira em Exportação

  • Gestão Aduaneira em Importação

  • Gestão da Distribuição Logística

  • Legislação do Comércio Exterior

  • Marketing Internacional

  • Negociação do Comércio Exterior

  • Sistemática de Exportação e Importação

  • Técnicas Operacionais em Exportação e Importação

  • Transportes e Seguros no Comércio Exterior

Qual é a mensalidade do curso de Comércio Exterior? O curso de Comércio Exterior é oferecido em três modalidades: ensino a distância (EaD), semipresencial e presencial. As mensalidades da faculdade vão variar de acordo com essa modalidade e o tipo de formação. Para se formar um tecnólogo em Comércio Exterior, o estudante vai pagar em média entre R$ 200 e R$ 600 para um curso EaD ou semipresencial. As mensalidades do presencial são maiores, e podem ficar entre R$ 600 e R$ 1.200 ao mês, em média. Já o bacharelado em Comércio Exterior tem valores mais altos, que podem variar entre R$ 900 e chegar até próximo de R$ 2.000, de acordo com cada faculdade onde o curso é ofertado e sua localização. O que faz um profissional de Comércio Exterior? O profissional de Comércio Exterior possui diversas formas de atuação, e isso vai depender de qual cargo ocupa na empresa em que está empregado. Geralmente, as funções vão envolver a relação com empresas estrangeiras. De acordo com o catálogo do MEC, as principais funções do tecnólogo em Comércio Exterior são planejamento, gestão de logística, desembaraço, seguros e operações de comércio exterior, como transações cambiais, despacho e legislação aduaneira, transações financeiras, exportação, importação e contratos. Além disso, o catálogo também cita algumas outras atividades:

  • Prospecta e pesquisa oportunidades de mercados voltados a atividades de importação e exportação;

  • Coordena fluxos de embarque e desembarque de produtos;

  • Define e supervisiona planos de ação;

  • Negocia e executa operações nos âmbitos legais, tributários e cambiais inerentes ao processo de importação e exportação.

Quanto ganha uma pessoa que trabalha com Comércio Exterior? De acordo com a Associação Brasileira de Consultoria e Assessoria em Comércio Exterior (ABRACOMEX), as remunerações médias de um profissional de Comércio Exterior podem variar entre R$ 2.300 e podem se aproximar de R$ 10.000, dependendo do cargo e da experiência do profissional. Veja alguns dos salários médios dos principais cargos relacionados ao Comércio Exterior:

  • Analista de Logística em Comércio Exterior: R$ 2.308

  • Despachante Aduaneiro: R$ 3.052,49

  • Supervisor de Operações Portuárias: R$ 3.706,71

  • International Trader: R$ 4.178,00

  • Consultor de Comércio Exterior: R$ 5.201,00

  • Analista Internacional: R$ 6.117,58

  • Gerente de Negócios Internacionais: R$ 7.365

  • Gerente de Comércio Exterior: R$ 8.258,75


4 visualizações
bottom of page