top of page

Início de ano é um bom período para trocar de emprego?


“Ano novo, vida nova”. Esse é um lema bastante popular em todo início de ano. Isso porque, para muitas pessoas, começar um novo ano é ter um horizonte cheio de oportunidades de fazer diferente e ir atrás dos sonhos. E um dos desejos mais comuns é trocar de emprego. Se “trocar de emprego” está entre suas metas, é importante saber se existe algum período favorável para isso. No início de ano, muita gente fica animada com a possibilidade e, segundo a executiva da Fundação Estudar, Anamaíra Spaggiari: “esse período pode ser muito bom para iniciar um novo desafio”.

Início de ano é um bom período para trocar de emprego? Estar insatisfeito profissionalmente pode levar a pessoa a trocar de emprego. Mas, antes de tomar uma decisão, é importante refletir sobre a mudança. Algumas coisas precisam ser feitas, como pensar nas possíveis dificuldades desse processo e considerar os períodos favoráveis para a recolocação.

Quais são os sinais de que é hora de trocar de emprego? A executiva da Fundação Estudar, Anamaíra Spaggiari, que possui mais de 10 anos de experiência como líder de times, recomenda que, antes de trocar de emprego, o profissional faça algumas perguntas a si mesmo. As questões que devem ser feitas são:

  • perspectiva de crescimento na carreira ou não?

  • A experiência ainda traz novos aprendizados ou há estagnação?

  • O nível de desafio dentro da empresa está alinhado com as expectativas para a própria carreira?

  • O ambiente de trabalho é agradável?

Depois de responder essas perguntas, é hora de fazer o balanço das respostas. Caso os pontos negativos ganhem, significa que mudar de emprego pode ser uma boa ideia.

Qual o período ideal para trocar de emprego? Segundo a especialista Anamaíra Spaggiari, é possível trocar de emprego em qualquer época do ano. Porém, a executiva ressalta que “o período mais propício vai depender de cada setor”. Por exemplo: na área de comércio e de serviços em geral, o final de ano costuma ser “excelente”, de acordo com Anamaíra. Isso porque as festas de Natal e ano novo costumam aquecer o setor, que cria postos de trabalho temporários e fixos. Já o setor empresarial costuma abrir oportunidades no início de ano. A justificativa para isso é que, nesse período, as companhias fazem planejamentos anuais e precisam de profissionais que tirem isso do papel e tragam para realidade. A executiva Anamaíra ainda menciona os estágios e trainees. Aqueles que buscam uma dessas oportunidades devem se atentar aos prazos das empresas, mas, no geral, as inscrições abrem em períodos específicos, de uma a duas vezes por ano. Independentemente do setor, Anamaíra Spaggiari comenta: “ter um olhar crítico sobre o momento que o mercado vive é importante para o profissional”. Para a executiva, é importante observar fatores externos e internos, uma vez que fases de retração do mercado podem dificultar a mudança de emprego. “Vale analisar se a função que você exerce e domina está em falta ou não”, destaca Anamaíra. Alguns passos fundamentais para isso são:

  • Identificar empresas em potencial;

  • Saber quais são as líderes do segmento;

  • Ficar por dentro das inovações do setor.

Dicas para quem quer trocar de emprego no início do ano

Se você já está decidido a trocar de emprego neste ano, algumas dicas podem ajudar. Veja as recomendações da executiva Anamaíra Spaggiari:

1. Mantenha seu perfil de LinkedIn atualizado

O LinkedIn é uma rede em que profissionais podem se conectar. Além de manter o seu perfil atualizado, é importante colocar o máximo de informações possíveis, destacando experiências profissionais e voluntárias e descrevendo responsabilidades e resultados. Também vale citar prêmios, atividades extra e formação.

2. Vá além da sala de aula

Essa dica é especificamente para os estudantes. Anamaíra explica que o mercado de trabalho valoriza muito as experiências voluntárias e acadêmicas. Por isso, ter atividades além da sala de aula pode ser um diferencial na formação do profissional

3. Desenvolva habilidades socioemocionais

Segundo a executiva Anamaíra, o mercado de trabalho teve fases: primeiro, o foco eram as hard skills; depois, as soft skills se destacaram mais. Mas, segundo a especialista, “o bom profissional deve ter um equilíbrio entre ambas”.

4. Tenha em mente o que você busca

É importante ter suas ambições bem delimitadas. Saber onde você gostaria de trabalhar, qual setor você busca e qual cultura está alinhada aos seus valores é fundamental na hora de buscar uma recolocação no mercado de trabalho.

5. Conheça o seu mercado

Conhecer bem o seu mercado é fundamental para encontrar o melhor lugar para você. “Ser assertivo e direcionar seus esforços para as empresas que vão te levar a alcançar seus objetivos vão te ajudar a encontrar satisfação na vida profissional mais rapidamente”, comenta Anamaíra Spaggiari.




1 visualização
bottom of page