top of page

História: Profissões para quem quer trabalhar na área

O mês de agosto pode ser considerado o mês de festividades para o profissional que trabalha ou para as pessoas que gostam/admiram conteúdos sobre História. Afinal, duas importantes datas lembram os trabalhadores desta área e são comemoradas na mesma semana. Se o dia 17 de agosto é a data do Dia do Patrimônio Histórico Nacional, dois dias depois, o Dia do Historiador é celebrado no 19º dia do mesmo mês.

Historiador O historiador é o profissional que pesquisa e investiga a história de povos e nações. Este profissional é essencial no estudo das relações sociais, políticas, culturais e econômicas entre indivíduos, sociedades e países. O historiador está apto ao desenvolvimento de suas funções nas áreas de ensino, pesquisa, preservação de documentos e relíquias históricas. O salário médio de um historiador é de R$ 2.659,50, no Brasil, de acordo com dados do Novo Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Novo Caged). Museólogo O museólogo é o profissional capacitado para organizar e fazer a gestão da documentação de arquivos. De acordo com a página da profissão na UNIFF, o museólogo pode criar ações educativas e executar atividades administrativas em centros culturais. Além disso, este profissional pode atuar na criação e implantação de centros e/ou exposições culturais. A maior parte das ofertas de trabalho são provenientes da área de preservação de obras e documentação, entretanto, o profissional pode desempenhar funções em setores educacionais desta área de atuação.

Arquivista O arquivista possui habilitação para trabalhar com a produção, o fluxo e a difusão de informações. O profissional poderá desempenhar funções em empresas privadas ou nas instituições públicas, além dos setores da administração federal, estadual e municipal. Existe a possibilidade do arquivista trabalhar nas universidades, nos arquivos públicos e privados, nos arquivos coletivos e pessoais, nos centros de cultura, nos hospitais, em museus e bibliotecas. Por fim, este profissional também poderá trabalhar como docente ou pesquisador de sua área da Arquivologia, estudando e produzindo novos conhecimentos. Arqueólogo O arqueólogo trabalha na escavação de sítios arqueológicos que contenham objetos, marcas e registros relacionados às sociedades que ali existiram, e com seus conhecimentos de história consegue expandir teorias e pesquisas sobre as civilizações estudadas. O cotidiano profissional do arqueólogo está ligado à investigação de artefatos arqueológicos, com base em método científico, para traçar a evolução das culturas e das sociedades com a observação de utensílios, armas, itens de decoração e ferramentas diversas.

3 visualizações0 comentário

Comments


bottom of page