top of page

Dois homens são presos no Ceará por morte de mulher trans raptada de salão de beleza

Crime aconteceu em novembro do ano passado; investigações da polícia apontam que assassinato foi cometido "em razão de conflitos de grupos criminosos"


Dois homens foram presos no interior do Ceará pela morte de uma mulher trans depois de raptá-la em um salão de beleza, em novembro do ano passado.

As prisões foram feitas pelas polícias Civil e Militar nesta terça-feira (28) e quarta (29), na cidade de Caucaia.

O crime aconteceu em novembro do ano passado.

“A vítima, uma mulher trans de 19 anos, recebia atendimento em um salão de beleza, quando foi retirada do local e o crime foi executado. O corpo foi encontrado dois dias depois. As investigações, até o momento, apontam que o crime foi cometido em razão de conflitos de grupos criminosos”, informou a Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS) cearense em nota.

A SSPDS relatou que o primeiro preso, Francisco Cliber Rodrigues de Paiva, de 30 anos, foi capturado em uma estrada no distrito de Sítios Novos, em Caucaia.

“Ele estava em um carro e ao perceber a aproximação da viatura, acelerou. Entretanto, foi capturado próximo a um rio. O veículo utilizado na tentativa de fuga foi apreendido”, afirmou a Secretaria.

Na quarta-feira, foi preso Danilo Silva de Araújo, de 32 anos. “A prisão aconteceu em imóvel no mesmo bairro em que Cliber foi capturado”, acrescentou a SSPDS.

“As prisões são resultado de mandados de prisão temporária, solicitados pela Polícia Civil do Estado do Ceará (PC-CE) e deferidos pelo Judiciário. As prisões devem subsidiar a investigação por homicídio e ocultação de cadáver, que segue em andamento”, concluiu a Secretaria.

Link de referência da matéria: https://www.cnnbrasil.com.br

0 visualização0 comentário

Comments


bottom of page