top of page

De inspeção a socorro: saiba o que faz Spot, cão-robô com tecnologia 5G que chegou ao Brasil

Equipamento tem quatro pernas articuladas, inteligência artificial, câmeras, sensores térmicos, microfones, caixas de som e sensores


O primeiro cão-robô com tecnologia 5G chegou ao Brasil. Chamado Spot, ele será utilizado em tarefas em áreas de difícil acesso e ambientes perigosos na usina hidrelétrica de Itaipu.

Desenvolvido pela Boston Dynamics, o robô tem quatro pernas articuladas, inteligência artificial, câmeras, sensores térmicos, microfones, caixas de som e sensores.

Duas unidades foram trazidas ao Brasil por meio de uma parceria entre a Agência Brasileira de Desenvolvimento Industrial (ABDI) e o Parque Tecnológico Itaipu (PTI).

Conforme divulgado pelas companhias, o objetivo é utilizá-lo tanto em inspeções de infraestruturas críticas — reduzindo custo e evitando colocar em risco a integridade dos colaboradores — quanto em possíveis missões de resgate.

Isso porque o equipamento também pode cumprir o papel de “socorrista” em emergências, inclusive em áreas com escombros, coletando informações visuais prévias importantes para as equipes de resgate humanas.

A principal inovação do Spot, porém, é a possibilidade de conectá-lo à rede 5G, a última geração de redes móveis. Assim, o equipamento ganhará eficiência e disponibilizará dados em tempo real, fornecendo dados importantes para estudos sobre a aplicação dessa conectividade em ambiente industrial.

O Parque Tecnológico de Itaipu irá inaugurar uma rede privativa de 5G para a realização de testes. Através deles, a conexão do equipamento será validada e serão verificados alcance e compatibilidade com a infraestrutura, além de avaliações das funcionalidades das duas unidades e de integrações com suas plataformas.


Utilização na Petrobras

Conforme anunciado pela ABDI, outras unidades do Spot serão enviadas para a estrutura de pesquisa da Petrobras na Ilha do Fundão, no Rio de Janeiro.

Lá, serão realizados testes que visam a disrupção tecnológica, redução de riscos e o ganho de produtividade.


Conheça o Spot

O Spot foi apresentado pela primeira vez pela Boston Dynamics em 2015, mas a venda para empresas foi anunciada apenas em junho de 2020.

Segundo a companhia de tecnologia, o equipamento pode percorrer cerca de 1,5 metro por segundo, tem visão 360°, é à prova de poeira e de água, e pode operar em temperaturas que variam de -20°C a 45°C.

Uma das vantagens desse cão-robô é que ele pode se deslocar em praticamente qualquer terreno, sendo mais eficiente e rápido do que os robôs com rodas ou esteira.

Ele é controlado por um tablet, podendo carregar 14 kg de carga. Além disso, foi programado para autocorreção em caso de queda.

O Spot também é equipado com infravermelho e termografia, sendo útil para inspeção térmica, leitura de medidores e detecção de gás, de vazamentos e de anomalias de ruído.


Veja o vídeo de lançamento do Spot:



Link de referência da matéria: https://www.cnnbrasil.com.br

2 visualizações0 comentário

コメント


bottom of page