top of page

Como ser um terapeuta?

É comum ouvirmos quem vai ao psicólogo dizer que vai ao terapeuta. Mas, será que é a mesma profissão? Bem, de antemão podemos avisar que são diferentes! Então, como se tornar um terapeuta? Existe alguma graduação específica?


Como sabemos, para se tornar psicólogo é preciso cursar Psicologia; para se tornar psiquiatra, Medicina; e terapeuta, uma especialização ou curso livre. Assim, alguns psicólogos e psiquiatras também são terapeutas, mas o inverso nem sempre acontece.



Qual é a diferença entre psicólogo e terapeuta?

O psicólogo é o profissional formado em Psicologia e que, para clinicar, precisar estar registrado no Conselho Regional de Psicologia (CRP) do estado em que trabalha. Já o terapeuta é qualquer profissional que cuide da saúde física ou psicológica de alguém, como educadores físicos, fisioterapeutas ou mesmo psicólogos e psiquiatras. Assim, para ser terapeuta, é necessário ter concluído alguma especialização ou curso livre que habilite a pessoa a aplicar determinada técnica. Desse modo, a principal diferença entre o psicólogo e o terapeuta é a ciência psicológica. Como ser um terapeuta?

É considerado terapeuta qualquer profissional da área da saúde que cuide do bem estar físico ou emocional do paciente a partir de determinada técnica. No caso do profissional de Psicologia, para ser considerado também um terapeuta, é preciso realizar uma especialização em Psicologia Clínica.

Já no caso das demais terapias, algumas podem ser aplicadas apenas por um grupo restrito de profissionais, como fisioterapeutas e biomédicos, que precisam de formação específica e registro no conselho de classe. Outras, porém, podem ser aplicadas por profissionais de diversas áreas, desde que tenham a formação necessária quanto à técnica terapêutica que será empregada.


Quais são os tipos de terapeutas?

Atualmente, o Brasil reconhece 29 práticas terapêuticas, também chamadas de Práticas Integrativas e Complementares (PICs). Grande parte dos profissionais que utilizam essas técnicas não possuem um Conselho de classe oficial.

No entanto, para saber se o profissional é qualificado, pode-se pedir alguma certificado ou carteira profissional. Além disso, é possível também verificar se o profissional é registrado na Associação Brasileira dos Terapeutas Holísticos (ABRATH).


Quais são as práticas terapêuticas reconhecidas no Brasil?

Como vimos, o o Brasil reconhece 29 práticas terapêuticas. Além disso, o Sistema Único de Saúde (SUS) oferece 25 terapias integrativas, são elas:


  1. Yoga

  2. Reiki

  3. Florais

  4. Fitoterapia

  5. Acupuntura

  6. Homeopatia

  7. Geoterapia

  8. Ayurveda

  9. Antroposofia

  10. Naturopatia

  11. Cromoterapia

  12. Termalismo

  13. Arteterapia

  14. Osteopatia

  15. Quiropraxia

  16. Dança circular

  17. Biodança

  18. Reflexoterapia

  19. Apiterapia

  20. Meditação

  21. Shantala

  22. Bioenergética

  23. Constelação familiar

  24. Hipnoterapia

  25. Imposição de mãos


Quando procurar um terapeuta? Em geral, deve-se procurar um terapeuta assim que determinados sintomas físicos ou emocionais se manifestarem. Como existem diversos tipos de terapias, há tratamentos para diferentes problemas. Desse modo, essa pergunta não possui uma única resposta, mas é certo que deve-se procurar um terapeuta quando for necessário, sem hesitação.

108 visualizações
bottom of page