top of page

Como é o dia a dia de um contador?

Nesta terça-feira, 22 de setembro, comemora-se o Dia do Contador no Brasil. A data é comemorada desde 1945 e faz referência à criação do primeiro curso superior da área de Contabilidade no País, de acordo com o Conselho Regional de Contabilidade do Rio de Janeiro (CRCRJ).

Porém, é importante deixar claro que embora pertençam a mesma área, é o curso de Ciências Contábeis que forma contadores, enquanto que os contabilistas são todos os profissionais que atuam na área de Contabilidade, inclusive o próprio contador.


Como é o dia a dia de um contador?

Mariana de Siqueira (26), conta que em sua primeira experiência profissional na área, sua primeira reação foi a de surpresa com a ausência de contas. "Todo mundo pensa que é conta, que é muito exatas, mas não é. É muita teoria, é muita legislação. O pessoal chama de Comitê de Pronunciamentos Contábeis (CPC), que são as normas da contabilidade. Você faz uma operação de imposto, um ajuste contábil, lança os números, mas na verdade tudo o que a gente faz é em cima de teoria, em cima de legislação, em cima de CPC", esclarece.

O que a profissão exige, segundo ela, é uma postura mais analítica. No caso de Siqueira, que atua na área fiscal, suas funções são voltadas para questões tributárias e para atividades como fechamento de notas e lançamento de despesas.

"A gente fala que é conciliar razão, você tirar a conta do sistema, com todos os lançamentos, e ir conciliando para ver se o resultado final vai dar zero, se o resultado final tem saldo a carregar para outros meses, apurar o balanço, saber se vai dar lucro ou prejuízo, então é bem essa parte de analisar [...] No escritório, os problemas dos clientes às vezes são muito complexos, então ele precisa saber quanto que ele vai pagar de imposto antes de fechar o mês pra ver se ele fatura mais ou se fatura menos, ele precisa ter uma declaração de que ele tem aquele valor pra pagar daqui a dois meses, então a contabilidade precisa analisar pra ver se ele vai ter caixa, se está tendo fluxo, se as demonstrações estão corretas, pra ele poder levar em banco, para empréstimos, enfim, ver toda a saúde financeira", explica a contadora. Com experiência em escritórios de contabilidade e no departamento de contabilidade de uma empresa, Siqueira relata que as rotinas profissionais de cada ambiente são diferentes. Em escritórios de contabilidade, como há um volume maior de clientes, o volume de trabalho também é elevado em comparação com o de um departamento de contabilidade de uma empresa. Além disso, ela dá destaque para o fato de que no escritório há uma maior interação com os clientes.

Em quais áreas o contador pode atuar?

Segundo o Conselho Federal de Contabilidade (CFC), o contador pode atuar nas seguintes áreas:

  • Empresarial.

  • Auditoria;

  • Consultoria;

  • Perícia;

  • Arbitragem;

  • Acadêmica.

O que é preciso para ser um contador? Para exercer qualquer uma das funções mencionadas acima, além da formação em Ciências Contábeis é necessário ter registro no Conselho Regional de Contabilidade mais próximo.

2 visualizações0 comentário

Comments


bottom of page