top of page

Ar-condicionado, insolação e El Niño: buscas crescem durante onda de calor

Dados do Google Trends mostam que os usuários aumentaram as pesquisas por assuntos relacionados ao calor

A onda de calor que atingiu o Brasil na semana passada levou os usuários a intensificarem as buscas por produtos, soluções ou problemas relacionados às altas temperaturas, mostram dados do Google Trends.

Assuntos como ar-condicionado, ventilador, filtro solar, piscina, insolação, desidratação e El Niño atingiram pico de pesquisa no Google entre os dias 12 e 18 de novembro, em relação aos últimos 12 meses.


Vale lembrar que a semana bateu diversos recordes de temperatura em várias partes do país, segundo dados da Climatempo.


Veja abaixo detalhes sobre as buscas relacionadas ao calor que atingiram picos em novembro.


  • Ar-condicionado

As pesquisas pela máquina cresceram expressivamente na última semana, tendo picos nos dias 14 e 18. As buscas mais que dobraram em comparação com setembro, que também teve uma onda de calor e alta procura do assunto.


Os locais que mais procuraram pelo termo ar-condicionado foram Mato Grosso, Mato Grosso do Sul, Tocantins, Rio de Janeiro e Santa Catarina.

No mesmo dia que as buscas atingiram pico, em 18 de novembro, a cidade do Rio de Janeiro bateu recorde de sensação térmica.

  • Ventilador

As buscas por ventilador também aumentaram expressivamente, tendo pico nos mesmos dias que ar-condicionado.

Usuários residentes do Rio de Janeiro, Espirito Santo, Minas Gerais, São Paulo e Bahia.



  • Filtro solar

As buscas por filtro solar também cresceram, apesar de a diferença não ser tão chamativa quanto por ar-condicionado e ventilador. Mas, ainda assim, foi a semana com o maior número de pesquisas pelo assunto nos últimos 12 meses.




São Paulo, Minas Gerais, Distrito Federal, Rio de Janeiro e Paraná lideraram as buscas pelo termo.


Durante a onda de calor, os paulistanos foram aos parques da cidade para tentar refrescar, o que pode ter levado ao aumento de busca por um método de proteção contra o sol. A capital paulista chegou a registrar sensação térmica de 40°C e bateu recorde de temperatura, com 37,8°C.


Piscina

Em meio a onda de calor que atingiu o Brasil todo, as buscas por outras fomas de se refrescar, além de ar-condicionado e ventilador, também cresceram, como o caso de “piscina”, principalmente no Rio de Janeiro, Minas Gerais, Mato Grosso do Sul, Rio Grande do Sul e São Paulo.


  • Desidratação

Problemas de saúde ocasionados pelo calor também registrar aumento de buscas, como é o caso de desidratação, que teve pico no dia 18 de novembro.

Os locais que mais procuraram pelo termo foram: Minas Gerais, Distrito Federal, Acre, Roraima e Rio de Janeiro.


  • Insolação

As buscas por insolação entre os dias 12 e 18 de novembro superaram o auge do verão, em janeiro.

As regiões que mais buscaram pelo problema causando pela exposição extrema ao sol foram: Espírito Santo, Santa Catarina, Rio de Janeiro e Mato Grosso do Sul.

“Calor excessivo”, “insolação lunar”, “exaustão por calor” e “alergia ao calor” foram algumas das pesquisas relacionadas registradas pelo Google Trends.

  • El Niño

O fenômeno climático considerado um dos responsáveis pela onda de calor também foi alvo de buscas entre os dias 12 e 18 de novembro, atingido pico no período.

Usuários de Roraima, Acre, Rio Grande do Sul, Santa Catarina e Amazonas foram os que mais pesquisaram sobre o assunto.


Link de referência da matéria: https://www.cnnbrasil.com.br

3 visualizações0 comentário

Comments


bottom of page